segunda-feira, 18 de junho de 2012

ABEERDEN ANGUS - Cruzamento que deu certo

 EXPOINTER 2009 - Aberdeen Angus
Por volta dos anos 90  os produtores de leite do município utilizavam cruzamentos de raças de corte com a raça holandesa para obterem um animal com mais precocidade de engorda ou algum animal que servisse para tração de arados e carroças no trabalho diário. Claro que algumas vacas do plantel eram destinadas ao cruzamento, enquanto o restante do rebanho recebia  sêmen para produção de leite. O maior problema acontecia porque a raça escolhida era a raça nelore colocado em cima de vacas holandesas que na maioria das vezes  não tinham desenvolvimento adequado. Com isso os problemas de partos se sucediam com perdas de várias vacas por dificuldades na hora de parir. Em 2004 sugeri e a Prefeitura de São João do Oeste adquiriu 40 doses da raça Aberdeen Angus para que os produtores usassem nas vacas holandesas. Aos poucos o pessoal começou a gostar dessa raça, pois nascia pequeno sem problemas de parto e era precoce na engorda. Assim o nelore foi cedendo espaço para o aberdeen e hoje a prefeitura já compra 3000 (três mil) doses/ano dessa raça. Assim diminuiu o atendimento veterinário aos partos e todos já conhecem a raça, que a cada ano mais doses de sêmen são compradas.De tanto que gostaram os criadores de jersey também fizeram a experiência de colocar a raça ângus nas vacas jersey. Deu ótimos resultados e hoje muitos desses animais são reservados para serem abatidos em ocasiões de festas nas comunidades ou casamentos pela saborosa carne. Hoje quase não se usa mais bois de tração, pois o trator já faz parte da rotina nas propriedades e o aberdeen ângus reduziu meu trabalho de tirar bezerro nas madrugadas de inverno.


FOTO NA EXPOINTER 2009
Raça Red Angus

CRUZAMENTO DE RED ANGUS E JERSEY















AS 4 FOTOS ACIMA SÃO CRUZAMENTOS DE ABERDEEN ANGUS COM HOLANDÊS (somente os animais pretos). Ao lado dos novilhos puro holandês podemos ver a boa diferença em peso.





 UM DOS OBJETIVOS DOS CRUZAMENTOS COM RAÇAS ZEBUINAS ERA PARA OBTEREM ANIMAIS DE TRAÇÃO.
O PROBLEMA ERA O TAMANHO DOS BEZERROS AO NASCER (foto em baixo)


HOJE O PRODUTOR PREFERE SUBIR NO TRATOR DO QUE GRITAR COM OS BOIS ENQUANTO ISSO OS ABERDEEN ENGORDAM NO GALPÃO DANDO MAIS UMA FONTE DE RENDA E UM BOM CHURRASCO.



                  MAIS ECONOMIA NO BOLSO E MENOS PROBLEMAS DE PARTO

Propriedade de Jorge steiger - Cristo Rei

Nenhum comentário:

Postar um comentário